Diva mas sem Frescura

Mergulhando nos acessórios!

Sabe aquelas vezes que a gente tá se arrumando, tá se achando linda, mas alguma coisa tá faltando para completar o look? Pois é meninas, isso acontece comigo com frequência, ai eu penso, olho e…. HÁ! É sempre o acessório no cabelo o que falta. Nossos cachos são lindos e nos dão muitas oportunidades de fazer diferente. Seja lá qual o tipo de cacho que você tenha, essas dicas de acessórios certamente vão ser úteis!

 

cabelo

 

 

 

MAS JENNY, EU SÓ TENHO 5 MIN, NÃO DÁ PRA FAZER UMA TRANÇA EMBUTIDA MARAVILHOSA CHEIA DE BRILHOS!! O QUE EU FAÇOO?

 

Olha, com uma certa habilidade, até dá. Mas se você é como eu, que tem pouco tempo para se arrumar antes de um longo dia de estudo/trabalho e mesmo assim não abre mão de adicionar o seu toque especial no cabelo, as ideias aqui nesse post são as mais simples possíveis, pra gente dar aquele tcham! no look e ficar linda em pouquíssimo tempo.

 

O que é fácil de ter e fácil de usar?

gramposPrimeiro: O melhor do melhor dos melhores – GRAMPO

 

 

O que seria de mim sem grampos? Não sei. Dificilmente eu saio sem nenhum. Quando eu durmo na casa da amiga / namorado e acordo toda descabelada porque minha fronha de cetim ficou em casa, o grampo é o salvador do meu day after. Olha o que eu costumo fazer com ele:

 

 

 

> Penteado simples para o lado (1)

Não é à toa que a minha bonequinha é assim, com o cabelo jogadinho pro lado =D Se eu estou sem ideia, sem tempo, sem vontade de sair de cabelo solto, eu faço isso. E também é ótimo quando a gente quer usar aquele brincão de um lado só, porque com o cabelo preso do lado, o brinco fica com toda a atenção só pra ele.

 

 

> Quase moicano (1)

Eu acho lindo esse penteado. E super simples: prendeu de um lado. Ótimo, agora prende do outro! Eu aconselho a fazer isso só quando tiver um pouquinho mais de tempo, porque eu, pelo menos, quero que os dois lados fiquem exatamente iguais e nem sempre isso é fácil. Uma dica que eu dou se você, como eu, tem problemas para prender um dos lados do cabelo, é segurar o grampo ao contrário. Ajuda pra caramba!

 

 

 

> Meio moicano (2)

Esse tipo de coisa eu só faço para ocasiões mais festivas, porque eu acho lindo demais. O melhor desse jeito de prender é que você pode adicionar o que bem quiser: flores, coisas coloridas, corrente, etc.

 

Montagem1

 

 

 

Segundo: Flores

Acho lindo(!) usar flores no cabelo, dá um toque primaveril e combina com muitos looks / situações. Isso também serve para laços (para as mais fofas) e qualquer prendedor desses de tic-tac lindinho que você prefira.

Eu uso assim:

 

 

> De lado igual grampo

Eu usei flor no cabelo assim durante minha transição INTEIRA. Procure a flor que mais te agrada com um tamanho legal (quanto maior, mais atenção vai chamar, claro) e a cor que combine com o resto da composição. Só amor!

 

 

 

> Coroa de flores (3)

Como eu disse, esse penteado funciona com muita coisa, inclusive com flores. Olha que coisa LINDA!

 

 

 

 

 tubante

 

 

Turbantes

 

 

Eu particularmente só consigo usar turbante quando está fresco. Se eu colocar qualquer tecido na cabeça e fizer aquele calor de Rio de Janeiro em Janeiro NÃO AGUENTO! Mas turbantes são lindos e uma ótima opção – ainda mais se você acordou atrasada e tá difícil de fazer o cabelo ficar onde você quer hahaha.

 

 

 

 

Faixas / lenços (4)

 

 

Tem muita gente que usa faixa durante a transição, ai passa meses com aquele negócio na cabeça todo santo dia, tanto que acaba pegando raiva da tadinha. Calma gente, faixas (ou lenços enrolados no cabelo na posição da faixa) ficam lindos em qualquer estágio e é também uma solução para aqueles dias que a gente acorda na hora que devia estar no ponto de ônibus. Eu, pelo menos, sou adepta do “quanto mais volume melhor” e acho o volume MARAVILHOSO quando uso lenço.

 

 

 

 

Meninas, tem MUITAS opções legais pro nosso cabelo, essas são só as mais fáceis de fazer. Pode ir sem medo pras lojinhas de acessórios baratinhos porque não tem erro!

ESCRITO POR

Jenny Santos

DEIXE UM COMENTÁRIO

1

10 sinais de que você está em um relacionamento abusivo

Esses dias estava vendo um vídeo que falava sobre relacionamentos abusivos, e na hora me veio na mente uma pessoa bem próxima que passou por isso mas não se dava conta. Pensando nisso, resolvi fazer esse post pra ajudar muitas pessoas que possam estar passando pela mesma situação e talvez nem imaginem. Na maioria dos casos, a pessoa não sabe que está em um relacionamento abusivo. Em outros, ela sabe mas fica em negação. Na pior das hipóteses, ela sabe, quer sair, mas não consegue.

 

Existem muitos indícios pra descobrir se você está em um relacionamento abusivo, mas separei hoje o top 10 pra identificar. Vamos conferir?

 

 

Presos

 

 

1- O sujeito te impede de sair com os amigos e te coloca contra eles

 

É claro que em muitos namoros, isso acontece por puro ciúme. Muitas vezes o abusador da relação é só uma pessoa insegura, o que o torna uma pessoa ciumenta que quer te guardar numa bolha onde só exista ele. O problema é quando o ciuminho bonitinho e saudável perde a noção e quando  você se dá conta, o sujeito é seu único amigo. Você se afastou de tudo e todos, e tem medo de procurar as pessoas porque acha que elas não vão te entender, que vão te julgar ou jogar na sua cara que você se afastou porque quis. Isso não é verdade, gata! Se seu namorado(a) está fazendo isso com você, imponha limites, exija respeito ao seu espaço e círculo de amizades, e pode ter certeza que sua família te ama e quer o melhor pra você, confie neles.

 

 

nun

 

 

 

2-  O sujeito controla suas roupas/maquiagens

 

Já tive um namorado que odiava esmalte vermelho porque dizia que era coisa de puta. No início fiquei super chateada, e sabe o que eu fiz? Continuei usando esmalte vermelho, porque estava na minha unha ué, não gosta de unha vermelha? Não pinte, kirido, pq na minha é que você não vai mandar. Por fim, o sujeito acabou me pedindo perdão e depois de um tempo viu o quanto tinha sido idiota e começou até a achar bonito 🙂

Mas a gente sabe que nem toda história tem um final feliz assim. O cara geralmente começa a te regular, chega a pedir pra você trocar de roupa ou dizer que está maquiada demais, e pode chegar até a te ofender, dizendo que você está parecendo uma piranha ou coisa do gênero. Pense o seguinte: ele te conheceu assim, não foi? Gostou de você assim, olhou pra você assim, quis namorar você assim, certo? Então gatinha, não mude seu estilo e nem perca sua vaidade pra agradar homem. Até porque, provavelmente ele está sendo apenas machista, não quer que a namorada dele ande com uma roupa, mas se outra mulher passar na rua, vai olhar e achar lindo!

 

 

no social media

 

 

3-  O sujeito pediu pra você excluir pessoas de suas redes sociais/ parar de falar com pessoas na vida real

 

Pelo amor de Jesus de Nazaré, não faça isso! O cara tem que ter confiança em você o suficiente pra saber que pode vir o Brad Pitt falar contigo que isso não vai mudar em nada o que você sente por ele. Eu sei que muitas vezes queremos fazer o mesmo, queremos que ele exclua todas as piranhas, ex namoradas, ex ficantes, ex lanchinho, pessoa que já ficou uma vez na vida, e por isso não nos importamos de fazemos o mesmo. Mas quando a gente amadurece, percebemos que isso é imaturidade. Se o cara considerar que a mulher não acrescenta em nada na vida dele, ele mesmo vai excluir ou ignorar a existência dela, e você fará o mesmo. Não se deixe enganar achando que isso é saudável para o relacionamento, porque não é. Só vai levar o cara a um estágio de ciúme louco e fazer ele tentar te  controlar o máximo que puder.

 

 

Senales-de-relacion-abusiva

 

 

4-  Você está convencida de que sem aquele relacionamento, você ficará sozinha para sempre

 

Quando você começa a pensar que nunca mais alguém vai te amar como esse cara te ama, e que se você não andar na linha e fizer tudo que ele quer ele pode terminar e você ficará mais solitária que uma lombriga na barriga, pode ter certeza: seu relacionamento é abusivo. Alguém que te ama e te admira sempre vai te mostrar que você é especial e merecedora de amor. Se você começa a se sentir uma merda e a se perguntar “como é que esse homem consegue me amar, sou uma pessoa horrível”, comece a analisar o que te levou a pensar isso. Muitas vezes é o próprio sujeito que te faz sentir suja, vadia, burra e indigna de afeto humano. Não se convença de que sem ele você nunca vai ser feliz e nunca mais vai encontrar alguém que te ame, porque isso não é verdade. Você não depende do sujeito pra ser feliz, afinal, você nasceu sem ele, viveu sem ele um bom tempo e COM CERTEZA você teve muitos momentos de felicidade antes dessa entidade surgir na tua vida, certo? Pode ter certeza que sempre existem novos recomeços, e a gente nunca perde a capacidade de ser feliz. Se complete primeiro, aprenda a ser feliz com você mesma, e aí sim você vai ser muito muito feliz com alguém!

 

 

bem-estar-atitudes-manipulacao-68944

 

 

5-  O sujeito faz chantagem emocional

 

Quando você cogita a possibilidade de terminar, o sujeito diz que vai se matar, que você quer acabar com a vida dele, que ele não vai passar no vestibular por sua culpa, que ele não está bem no emprego por sua causa? Gata, problema dele! Se o relacionamento não te faz bem, não se importe com esse drama mexicano. Se for o caso, avise a família dele e se essa depressão toda for verdade, eles que busquem a ajuda de um profissional. Quando a gente não está feliz, não dá pra se prender a um relacionamento com medo de que o outro destrua a própria vida. Se você fizer isso, vai acabar destruindo a sua.

 

 

verbal abuse

 

 

6-  O sujeito te trata mal/ te inferioriza até na frente dos outros

 

Essa pra mim é uma das piores coisas, é o fim da picada, é o absurdo dos absurdos. Já vi casos em que o namorado chamou a namorada de vagabunda na minha frente. Sério, VAGABUNDA! E infelizmente, isso é bem comum por aí. Se isso acontece, sinto te dizer que você está sendo abusada psicologicamente, e se não der um basta, o sujeito pode te agredir ou até mesmo abusar de você sexualmente. Sim, porque estupro não acontece só na rua. Se você não tá afim e o cara te coage a fazer porque ELE quer, isso é estupro. Se o cara te xinga, te ridiculariza na frente dos outros, menospreza suas conquistas, suas preferências, suas experiências ou tudo que você diz: é cilada, Binoooooo! CORRE!

 

 

happysad

 

 

7 – Antes de namorar o sujeito você era uma pessoa feliz e agora você é uma pessoa murcha e chora por qualquer coisa

 

Isso parece uma coisa óbvia e super bobinha, mas não é. Às vezes você está em um relacionamento que te faz muito mal, mas você já criou na sua mente uma dependência tão grande que não consegue terminar (por causa do indício 4 que falei ali em cima). Você começa a se sentir uma droga e isso te deixa triste, e como você não interage mais com seus amigos, você acha que o único jeito pra ficar bem é ter o sujeito ao seu lado. Na verdade, ele que é o motivo da sua tristeza, mas você não enxerga. Por tanta tristeza, qualquer coisinha mínima te faz chorar, você guarda tudo pra você pra evitar brigas e pela falta de amigos, e vai se afundando cada vez mais. Se esse é o seu caso, pode terminar sem medo de ser feliz! E depois procure seus amigos, vai curtir a vida, volte a ser quem você era antes. É fácil? Não é. Mas manter um relacionamento assim é pior ainda!

 

homem-controlador

 

 

8-  O sujeito tem ciúme doentio e te acusa de traição mesmo sem provas/circunstâncias

 

O sujeito quer ter um controle tão grande sobre você, que quer todas as suas senhas, fuxicar seu telefone e ler todas as suas conversas, saber de todos os seus passos. Qualquer contato com outro homem já é motivo pra ele te acusar de traição, te xingar, te humilhar? Não aceite isso nem por um segundo, amiga. Se o cara começa a querer ser teu pai pra te controlar, manda ele arrumar um tratamento psicológico e vai viver tua vida. Entenda o seguinte: seu namorado/marido/companheiro não é e nunca será seu dono. Você não é propriedade dele. Tenha sua privacidade, seu espaço, e esteja com alguém que confie em você e não tire sua liberdade.

 

 

vetta

 

 

9- Quando você conquista algo ele fica triste porque a conquista foi sua e não dele

 

Você consegue algo que queria muito e o cara simplesmente fica magoado, provocando em você a sensação de culpa por ter ido melhor que ele em alguma coisa: CORRE! Quem te ama quer seu bem, acredita no seu potencial, te apoia, te incentiva, fica feliz pelas suas conquistas. Se o sujeito tem ciúme até disso, é porque ele quer ser melhor do que você. Muitas vezes essa necessidade de ser maior e melhor faz com o que o cara te diminua para que ele pareça O GOSTOSÃO às suas custas. Se você está passando por isso, 98% de chances do seu relacionamento ser abusivo.

 

 

Woman-crying_920x380_scaled_cropp

 

 

10- As pessoas te avisam que ele não está te fazendo bem

 

Uma coisa é fato: quando estamos apaixonadas ficamos cegas, mas as pessoas ao nosso redor não! Os amigos geralmente são os primeiros a enxergar os sinais de que você está num relacionamento abusivo, e alguns tentam te avisar. Pode ser exagero? Pode! Mas preste atenção aos detalhes e ouça as pessoas que te amam e te querem bem! Quando até a sua família começa a perceber e te avisar que a relação não te faz bem, talvez seja a hora de repensar se você está agindo cegamente e as pessoas tem razão.

 

 

Se depois de ler os 10 indícios você chegou à conclusão de que o seu relacionamento é abusivo, eu te digo sem choro nem vela: termina! Você não vai conseguir ser feliz e nem mudar o cara enquanto ele estiver te controlando e agindo como se você pertencesse a ele. Você com certeza é especial e merece alguém que te valorize, te respeite e te faça feliz de verdade, sem te colocar em prisões.

 

Agora, se depois de ler isso você chegou à conclusão que é o abusador da relação, reflita sobre suas atitudes, peça perdão à pessoa que você está controlando e tenha consciência de que você não está fazendo ela feliz, e sim machucando alguém que de repente você ama. Se achar necessário, procure ajuda de um profissional, mas não prossiga no erro.

 

(Obs: A lista que é baseada em um relacionamento homem/mulher, mas não necessariamente o homem é abusador e a mulher é a vítima, pode colocar aí o gênero que você preferir.)

 

E você, já viveu ou conhece alguém que está em um relacionamento abusivo? Mostre esse post pra pessoa e deixe sua opinião nos comentários!

ESCRITO POR

Luma Mattos

DEIXE UM COMENTÁRIO

5

Socorro: minha maquiagem quebrou!

“Só vou finalizar com esse blushzinho aqui rapidinho e…. AHHHHHHHHHHHHHHHHH”… esse é um grito após o blush ter ido de cara no chão. Essa mesma queda foi responsável por despedaçá-lo em milhões de pedacinhos e tudo que você quer fazer é dar um piti. Tudo que você pensa é: devolve minha maquilági, universo!

 

Quem aí se identificou com a cena descrita acima? Só quem já passou por uma situação dessas sabe o quão doloroso é ver um item de maquiagem que a gente usa e adora quebrando em vários pedaços. Principalmente, quando ele ainda está novinho. Tá, tudo bem… quando está velhinho também… somos apegadas, né? Aí quando temos a infelicidade disso acontecer, só nos restam as seguintes opções:

 

1) jogar fora (NÃÃÃOOOOOOO! Snif snif)

2) usar assim mesmo achando como e onde depositar o produto num pincel/esponja/dedo ou qualquer coisa que o valha igual uma desesperada

3) comprar outro

 

Eu sou dessas que não consegue jogar fora. Fico usando o troço todo despedaçado mesmo. Além do que,  nem sempre é simples como um “ah, não faz mal. Amanhã compro outro”. Principalmente, quando conseguimos a proeza de quebrar algo que tenha sido caro. Mas isso não significa nada, né? Pode ter sido baratinho, mas se tivermos o apego, dói do mesmo jeito. Aí eu vi, sem querer, uma técnica pra juntar tudinho que foi quebrado e deixar como novo. Fui testar e tcharam! Deu certo! Óbvio que vou compartilhar com vocês! O melhor é que serve pra tudo: blush, pó, sombra, base… no meu caso, o que se espatifou foi um iluminador da Contém 1g. Vamos lá que vou mostrar passo a passo:

 

Você vai precisar de: sua maquiagem quebrada (ha ha ha), um palitinho (pode ser desses de tirar esmalte mesmo) e um álcool em gel.

 

make

 

 

Mas Olga, a minha make quebrou muito! A minha também miga! Olha só:

 

make2

 

 

Você vai pegar o álcool em gel e depositar algumas gotinhas na maquiagem:

 

make3

 

 

Após isso, pegue o palitinho e vai misturando o álcool em gel na maquiagem. Você vai despedaçá-la ainda mais, mas vai sem medo! Vai ficar mais ou menos assim:

 

make4

 

 

Quando estiver dessa forma aí de cima, joga mais álcool em gel e mistura bem! Finge que tá virando cimento! hahaha

 

make5

 

 

Depois de você misturar bem, vai ver a magia acontecer: a consistência vai começar a lembrar como sua maquiagem era. Pra ficar bem bonitinho, vai tentando deixar plano, arrumadinho, limpo…

 

make6

 

 

Como a gente coloca álcool em gel pra “fazer a liga”, a maquiagem fica com aspecto de molhada. Então, coloque papel toalha ou papel higiênico pra tirar o excesso do álcool. Quando a gente coloca um papel pela primeira vez, ele sai bem molhado. Faça isso até o papel sair sequinho!

 

make9

 

 

Quando o papel sair seco, deixe a maquiagem aberta de um dia para o outro pra secar tudinho do álcool que ainda esteja lá, tá bom? Aí é só arrasar por aí. Caso a sua maquiagem possua brilho e você estiver com medo que o brilho acabe, fica tranquila! Não acaba! Olha a consistência do meu iluminador no final do processo:

 

make10

 

 

Perfeitinho, né?

Curtiram a dica? Tem alguma outra pra compartilhar com a gente? Comenta aí! E se fizer, depois conta pra gente o resultado!

ESCRITO POR

Olga Bon

DEIXE UM COMENTÁRIO

0

Feliz dia da mulher!


Hoje é um dia que todas nós recebemos um olhar especial, um dia separado para nos parabenizar pelo difícil papel que exercemos na sociedade: ser mulher. Resolvi fazer esse post depois de ler inúmeras parabenizações pelo dia internacional da mulher que me fizeram refletir: peraí, mas é por ISSO que você acha que merecemos um feliz dia e um parabéns????

 

 

We can do it

 

 

Em pleno 2015, muitas pessoas ainda vinculam uma boa mulher ao papel de boa esposa, boa avó, boa mãe, ou a consideram boa por ser calma e equilibrada, por muitas vezes abrir mão de uma profissão para cuidar da casa e dos filhos, e sei lá, de repente tive um déjà vu e me senti em 1810. Primeiramente, quero deixar claro que é louvável e admirável SIM as mulheres que exercem com excelência todos os papéis que citei. Mas, o que me faria sentir realizada como mulher não é cumprir meus papéis relacionados a satisfazer necessidades masculinas. Tenho 24 anos, sou evangélica, sonho em me casar, ser mãe e todas essas coisas que a Amélia faria. Mas não é isso que faz da Amélia uma mulher de verdade. Muitas pessoas me constrangem constantemente com a pergunta “E QUANDO É QUE VOCE VAI CASAR??” como se eu já estivesse passando da validade, como se toda minha existência estivesse prestes a perder o sentido porque eu não tenho um macho ao meu lado. Amor, para.

Todo mundo sabe que ao longo da história as mulheres foram subestimadas, desvalorizadas, humilhadas, oprimidas, tratadas como objeto, como uma simples “coisa” necessária como complemento para os homens. E claro que avançamos, e por isso hoje eu, mulher, 24 anos, solteira, tenho o direito de expressar minha opinião em um meio de comunicação internacional. Mas isso não significa que já conquistamos tudo o que poderíamos.

 

435

 

 

Ano passado, o deputado Jair Bolsonaro (o do “não te estupro porque você não merece, porque você é muito feia”), concedeu uma entrevista para explicar essa infeliz colocação, da qual não se mostrou NEM UM PINGO arrependido, convicto de que quem achou isso um abusrdo não passa de uma feminazi louca. Nessa mesma entrevista que muito me enoja lembrar, ele afirmou que mulheres deveriam ganhar menos do que os homens, porque se ele, empresário, quer pagar menos, é problema dele e pronto, a mulher aceita se quiser. A justificativa que só tem lógica na cabeça dele e de pessoas com mesmo nível de ignorância, é que a mulher é bonita, a mulher engravida, a mulher perde meses de licença maternidade e o empresário que perde com isso, porque ela não está trabalhando e está recebendo. Eu não sei nem por onde começar a contestar tanta imbecilidade, mas vou me esforçar. Kirido, primeiramente que nem toda mulher quer ser mãe, nem toda mulher é heterossexual, nem toda mulher vai ter 1 filho por ano, e nem toda mulher vai ter o auxílio do pai da criança, então pra começar por aí, não tem sentido NENHUM que você ache que TODAS as mulheres do universo merecem ganhar menos do que os homens só porque elas possuem um útero capaz de abrigar por meses um bebê que você, homem, também gerou. Sim, porque de onde saiu o espermatozóide que vai morar na barriga da mulher? Então se você, pessoa que está lendo, concorda com isso, chama o deputado em questão de “Bolsomito” ou acha que ele tem um pingo de razão sequer, te convido a fechar esta página agora e ir estudar um pouco, fazer um tratamento pra doença mental, ir pra uma vigília de oração ou qualquer coisa do gênero que possa te tornar um espírito mais evoluído.

 

 

Marylin

 

 

É MUITO difícil ser mulher, ser respeitada, ser livre pra fazer o que quer e acha certo, viver fora dos padrões impostos para nós. Simplesmente temos que pesar o quanto dizem que temos que pesar, temos que estar sempre de unhas feitas, maquiadas, de cabelo arrumado (que por muito tempo e por muita gente, subentendeu-se arrumado como: liso), trabalhar, estudar, casar jovem e com tudo em cima, e fazer isso tudo também depois de ter filhos, além de cuidar deles, saber de todos os seus passos e responder por seus erros sozinha, afinal, você é a mãe! Ah, tudo isso sem contar que não pode falar palavrão, porque mulher fazendo isso é muito feio, não pode ser muito independente porque “assusta os homens”, tem que ser feminina, tem que aturar ser cantada na rua e isso inclui ouvir as coisas mais nojentas e assustadoras possíveis e é claro, calada.. Ah, e DEUS ME LIVRE DE SER FEMINISTA! Ainda vai ter que aturar argumentos como: tinha que ser mulher/ mulher não sabe dirigir / mulher não entende nada de futebol/ etc.

Minha vó nasceu em 1940, e ano passado eu comentei com ela que queria comprar um carro e para isso precisava tirar carteira de motorista, ao que ela me respondeu: mas pra quê? E eu disse: ué, pelo mesmo motivo que meu irmão fez isso na minha idade e minha vó, que eu amo demasiadamente, me respondeu: MAS VOCÊ É MULHER!!! (Pausa pra rir pq chega a ser cômico, mas te amo vó).

Não posso culpar minha avó, ela nasceu em uma época em que pensar assim era simplesmente ser uma mulher sensata, consciente de sua dependência em relação ao homem, e tão acostumada e conformada com a situação, que pouco lhe ocorreu a ideia de que isso é um absurdo.

Vou contar outro caso, dessa vez ocorreu com a minha professora em 2012. Ela é uma mulher super independente, inteligente, competente, autossuficiente, tudo com “ente” de bom que vocês possam imaginar, e foi alugar uma casa no interior da Bahia, não lembro o motivo, mas também isso não importa. Chegando lá para assinar os papeis, o sujeito da imobiliária disse algo do tipo: documentos ok, mas cadê o seu marido pra assinar? E ela disse: Marido? Mas eu não tenho marido. E o homi: E seu pai? E ela: Meu pai é falecido. E o homi: Então a senhora vai ter que pedir a algum amigo, algum homem, que possa vir assinar por você. ALÔ GALERA! 2012, DOIS MIL E DOZEEEEEEEEEE!!!! Vocês tem noção do quão longe ainda temos que chegar?

 

burningbra1-300x315

 

 

Então por favor, você mulher, não seja contra o feminismo, não chame as feministas de “feminazis”, ate porque você só pode se expressar livremente pra falar o que quiser por causa de muita luta, muito tapa na cara, muito sofrimento de mulheres que cansaram de tudo isso que eu citei acima.

Não posso deixar de dizer uma coisa, mulheres divas que tanto admiro e me orgulho: vocês não são malucas. Muitas vezes temos vergonha de ter sentimentos, de sermos sensíveis, de demonstrar que nos chateamos, que amamos, que odiamos. Tudo isso porque muitos homens vão nos chamar de malucas, neuróticas, psicóticas, psicopatas, ciumentas, etc etc etc. O que dizer sobre homens que se acham “ENTENDEDORES DE MULHER” e passam a fazer cartilhas pra nos classificar, nos resumir, nos ridicularizar? É lamentável que muitas mulheres concordem com esse tipo de homem, e constantemente lutem umas contra as outras. É lamentável que muitas pensem que homem pode tudo, mas a mulher não.

Hoje, no dia que é internacionalmente nosso, eu te convido, mulher, a NUNCA MAIS na sua vida usar o argumento “mas ela é mulher”. E como a gente sabe que não é fácil, de coração eu dou os parabéns a todas nós, pois como disse a musa Simone de Beauvoir: “Não se nasce mulher, torna-se.”

 

 

Galeria de mulheres memoráveis:

 

 

Simone de Beauvoir, ícone do feminismo

Simone de Beauvoir, ícone do feminismo

 

 

princesa Isabel

princesa Isabel

 

 

Olga Benário

Olga Benário

 

 

Madre Teresa de Calcutá

Madre Teresa de Calcutá

 

 

Norma Jean, mais conhecida como Marylin Monroe

Norma Jean, mais conhecida como Marylin Monroe

 

 

Madonna

Madonna

 

 

Angelina Jolie

Angelina Jolie

 

 

Oprah Winfrey

Oprah Winfrey

 

Luciana Genro

Luciana Genro

 

 

E pra você, quais mulheres são sua inspiração?

 

ESCRITO POR

Luma Mattos

DEIXE UM COMENTÁRIO

5

Dando adeus ao frizz no day after

Hoje vou dar uma dica de ouro, viu meninas? A maioria das cacheadas/onduladas/crespas sofrem muuuuuuito com um problema chamado lavar-a-cabeça-todo-dia. Tem dias que o cabelo tá lá, todo lindo, com o cacho super definido, e quando chega a hora de dormir a gente fica até com peninha, se pudesse colocar a cabeça num buraco só pra não amassar o cabelo a gente colocaria, só pra ele acordar lindo do mesmo jeito, massssssss.. Não dá né migas?

 

 

Antes eu dormia com os cachos definidos e acordava assim

Antes eu dormia com os cachos definidos e acordava assim

 

 

Então, gatas, vocês já ouviram falar em day after? Day after nada mais é do que o dia depois de lavar a cabeça. As cacheadas geralmente chamam de primeiro day after, segundo, terceiro, e assim sucessivamente (eu não consigo ficar mais de três dias sem lavar o cabelo, então geralmente  vou até o terceiro day after NO MÁXIMO).

 

 

Luma

Eu no segundo day after

 

 

Muitas meninas não conseguem ter o day after por causa do maldito frizz no cabelo, que tira toda ou quase toda a definição do cabelo que estava maravilindo no dia anterior. Pra evitar isso, tenho uma dica simplérrima e muito econômica: compre uma fronha de cetim! MA COMASSIM FRONHA? Q IÇU?

 

 

Pois éééé, fronha de travesseiro, essa mesma que você tá pensando!

Pois éééé, fronha de travesseiro, essa mesma que você tá pensando!

 

 

MAS PQ UMA FRONHA???????????

Quando a gente dorme, nossos fios entram em atrito estático com o tecido do travesseiro, e isso gera o frizz que nos faz acordar com a juba de leão que geralmente a gente NÃO quer (porque tem juba que é linda, mas a de frizz-acabei-de-acordar não). O cetim diminui esse atrito (por isso ele escorrega), deixando os cabelos mais comportadinhos e mantendo quase a mesma definição do dia anterior.

 

sem fronha de cetim x com fronha de cetim

sem fronha de cetim x com fronha de cetim

 

 

Como a fronha é bem difícil de achar, uma opção óóótema é comprar um metro (que custa por volta de 5 reais) e enrolar no seu travesseiro, ou mandar fazer a fronha mesmo (com certeza não sai caro). Masssssss, como nem tudo são flores, cacheadas/onduladas/crespas do meu Braseel, isso não basta! Ainda tem todo um paranauê pra você dormir sem amassar o cabelo, mas o mais básico de todos e que SEMPRE funciona pra mim é: jogue o cabelo todo pra trás. A parte de baixo do cabelo vai amassar? Vai! Vai estragar os cachos? Vai! Mas pelo menos você não vai ter que lavar no dia seguinte, é só ajeitar de manhã (e dependendo do tamanho do cabelo nem precisa, porque o cabelo mesmo tampa).

 

Tem um vídeo até antigo da Rayza Nicácio (pra quem não conhece, é uma blogueira linda, mega referência de cabelos cacheados, musa dazinternet) em que ela dá algumas dicas de como dormir sem amassar tanto o cabelo:

 

 

Vocês já conheciam a dica da fronha de cetim, meninas? Deixe sua opinião e outras dicas nos comentários!

ESCRITO POR

Luma Mattos

DEIXE UM COMENTÁRIO

0